Duas novas obras para a Vale

07.04.2008

A Odebrecht acaba de conquistar dois novos contratos para a Vale, na região de Carajás, no Pará. O primeiro compreende a terraplenagem do terreno que abrigará a futura usina de minério de ferro de Salobo. Com prazo de execução de seis meses, o projeto movimentará 3 milhões de m3 de solo, inclusive para a construção de platôs das áreas administrativa, industrial, depósito de explosivos e central de materiais descartáveis. A construtora também executará um aterro de 1 milhão de m3. Já o segundo contrato compreende a construção da estrada Parauapebas-Salobo, que dará acesso à futura usina. Com prazo de entrega de 15 meses, o projeto compreende a execução de 95 km de estrada, com pavimentação em tratamento superficial duplo, 2,5 milhões de m3 de movimentação de solo e 12 pontes.