Comunicação

Notícias

A Braskem completa 15 anos de operação nesta quarta (16) como uma empresa de atuação cada vez mais global, reconhecida por clientes em cerca de 100 países em todos os continentes. Para refletir essa trajetória e simbolizar a continuidade do ciclo de expansão global da petroquímica, a Braskem passa a adotar uma nova marca, que será implantada gradualmente na comunicação e identidade visual da empresa a partir de hoje. 

"A nova marca Braskem simboliza nossa ambição de seguir evoluindo como um player importante do setor petroquímico global, atuando em constante progressão no desenvolvimento das pessoas e focado na entrega de soluções sustentáveis da química e do plástico a fim de melhorar o bem-estar e a qualidade de vida da sociedade", diz Fernando Musa, CEO da Braskem. 

A nova identidade visual nas cores azul e amarelo busca expressar características como resiliência, foco e transparência, indicando também a estratégia da empresa orientada às pessoas e de visão de futuro.

Criada em 2002 com a integração de seis ativos, a Braskem consolidou o setor petroquímico no Brasil, deu passos importantes em seu processo de internacionalização e se transformou em uma das maiores produtoras mundiais de resinas termoplásticas. Atualmente, conta com 8 mil integrantes e opera 41 plantas industriais, das quais 29 no Brasil, seis nos Estados Unidos, quatro no México e duas na Alemanha. 

  • Saiba mais sobre os 15 anos de Braskem e os detalhes da nova marca no site da empresa.

Nova estratégia para as marcas das empresas do Grupo Odebrecht

A Braskem é a primeira empresa do Grupo Odebrecht a modernizar seu logotipo de acordo com a nova estratégia para as marcas das empresas do Grupo

Recentemente, a Odebrecht S.A (Holding) revisou o seu modelo empresarial e passou a ter um novo papel, o de arquiteta estratégica de seus Negócios, concentrando-se na definição de diretrizes e no compartilhamento de sinergias. Neste novo cenário, os Negócios ganham maior autonomia de gestão e passam a rever suas estratégias para melhor se adequar à realidade de seus mercados. 

Com o tempo, de acordo com a nova arquitetura de marca, o nome Odebrecht passará a ser de uso exclusivo da Holding, representando melhor a diversidade de Negócios e a autonomia das empresas do Grupo.  As marcas com nomes independentes manterão um sistema de identificação visual sutil para garantir uma coerência mínima que agregue valor à Holding. 

Com a nova estratégia, a decisão sobre mudança de marca fica a cargo de cada um dos Negócios, em linha com suas necessidades, identificando um fato relevante que justifique estrategicamente uma mudança.