Comunicação

Notícias

Uma boa notícia para o esporte brasileiro foi anunciada em 8 de junho nas instalações do Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo: a renovação, por parte da Braskem, de mais quatro anos de patrocínio para a Equipe Brasileira de Paratletismo. Trata-se do maior patrocínio privado da história do Comitê Paralímpico Brasileiro.

A parceria foi iniciada em 2015 e renovada até 2021. No próximo ciclo, irá beneficiar 44 atletas e 17 guias que integram a Seleção Brasileira, fornecendo suporte ao desenvolvimento e preparação técnica dos competidores. "Mantemos o nosso apoio porque acreditamos ser esta uma oportunidade transformadora para paratletas e um exemplo inspirador para a sociedade”, destacou Marcelo Arantes, responsável por Apoio Empresarial da área de Pessoas, Comunicação, Marketing e Desenvolvimento Sustentável da Braskem.

“Acreditamos na superação do ser humano e estes atletas são um exemplo disto”, acrescentou Marcelo, que também destacou como a química e o plástico podem melhorar a vida dos atletas por meio das próteses.

Na ocasião, também foram anunciados os 25 paratletas que representarão o Brasil no Campeonato Mundial, realizado em Londres em julho. Para Mizael Conrado, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, a renovação do apoio por parte da petroquímica será fundamental para a evolução contínua dos atletas. “A parceria com a Braskem já nos trouxe grandes resultados nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016 e vai ser fundamental nesta campanha rumo a Tóquio 2020”, disse.

Além do Campeonato Mundial, a Seleção Brasileira de Paratletismo tem como próximos eventos os Jogos Para-sulamericanos (2018), os Jogos Parapan-Americanos (2019), o Mundial da modalidade (2019) e os Jogos Paralímpicos de Tóquio (2020).