Comunicação

Notícias

Dois projetos da Odebrecht Engenharia & Construção conquistaram o prêmio de "Global Best Projects", concedidos pela revista Engineering News-Record (ENR). A construção do novo terminal do aeroporto RIOgaleão e o desenvolvimento do Parque Olímpico Rio 2016, ambos no Rio de Janeiro, receberam o mais alto prêmio nas categorias Aeroportos e Esportes/Entretenimento, respectivamente. Fundada em 1917, a ENR é líder mundial em notícias e análises no setor de construção civil.

De acordo com a publicação, os projetos vencedores foram escolhidos por um júri independente composto por profissionais da indústria e com ampla experiência global. Os critérios para seleção incluem inovação, contribuição para a comunidade global, segurança, qualidade estética e de execução, com ênfase em quão diversificada globalmente é a equipe que compõe o projeto. Os jurados também consideraram como o projeto beneficia a comunidade local e o setor de construção.

“Ter em nosso portfólio projetos premiados ou indicados a prêmios pela ENR muito nos orgulha, uma vez que a seleção deles é muito criteriosa, feita por profissionais da melhor qualificação. Sem dúvida é um reconhecimento a todos os integrantes da Odebrecht que trabalharam nas obras do Parque Olímpico e do Galeão, projetos que comprovam a excelência técnica de nossa empresa”, destacou Fernando Pacheco, Diretor Regional da Odebrecht Engenharia & Construção para o Rio de Janeiro.

Os detalhes sobre todas obras selecionadas estarão na edição de outubro da ENR. A cerimônia de premiação acontece no mesmo mês, em Nova York, durante o evento ENR Global Construction Summit.

História de Conquistas

Este é o quarto ano consecutivo em que a Odebrecht é premiada no Best Global Projects da ENR. Em 2016, o Complexo Petroquímico Etileno XXI, no México, na categoria Industrial, e a obra do Aeroporto Internacional de Nacala, em Moçambique, na categoria Aeroportos, construídos pela Odebrecht Engenharia e Construção, receberam o Award of Merit no ENR 2016 Global Best Projects.

Em 2015, a Odebrecht conquistou o Best Global Project pelos projetos da Linha 1 do Metrô de Lima (Peru), na categoria Ferrovias, e da construção da Cinta Costera 3 (Panamá), na categoria Estradas e Rodovias.

Em 2014, o projeto de saneamento da cidade e da Baía do Panamá e a Renovação Urbana de Curundú, também no Panamá, já haviam ganhando o mesmo prêmio nas categorias Água e Residencial, respectivamente.

Em 2013, a Odebrecht conquistou o Best Global Projects em diversas categorias: a categoria Aeroportos/Portos, com o projeto do Terminal Norte do Aeroporto Internacional de Miami; na categoria Trilhos, com extensão do AirportLink Metrorail em Miami; na categoria Meio Ambiente, com as obras da barragem contra alagamentos da rodovia I-10, em Nova Orleans. A empresa também conquistou Award of Merit nas categorias Pontes/Túneis, com a construção da Autopista Del Coral, na República Dominicana, e na categoria Cultural, com a construção do MIA Mover, em Miami.