Comunicação

Releases

A Odebrecht Latinvest, subsidiária do Grupo Odebrecht dedicada a concessões de infraestrutura na América Latina, assinou acordo com um consórcio liderado por uma das maiores empresas de geração de energia do mundo, a China Three Gorges Corporation (CTG), para a venda da central hidrelétrica de Chaglla, a terceira maior do Peru, com potência instalada de 456 MW.

O consórcio liderado pela CTG é formado pela Hubei Energy Group Co., Ltd. (“Hubei Energy”), Ace Investment Fund II LP (“ACE”) e CNIC Corporation Limited (“CNIC” e, em conjunto com a ACE e a Hubei Energy, o “Consórcio”). A hidrelétrica de Chaglla é administrada pela Empresa de Generación Huallaga S.A. (EGH). Esta concessão será adquirida pela Huallaga Holding Company Limited, empresa criada pelo consórcio comprador conforme as leis da Região Administrativa Especial de Hong Kong e da República Popular da China.

A efetivação da operação está sujeita às condições usuais de fechamento, inclusive à aprovação pelo Ministério da Justiça do Peru, conforme previsto no Decreto de Urgência 003-2017. O acordo também será submetido à aprovação regulatória de entidades governamentais da China.

Nesta operação, são assessores financeiros da Odebrecht o Itaú BBA, o Scotiabank e o SMBC Nikko. A companhia conta ainda com a assessoria jurídica do escritório White & Case LLP. Já o Consórcio tem a assessoria financeira do Bank of America Merrill Lynch e assessoria jurídica do escritório Sullivan & Cromwell LLP. 

Chaglla é uma obra emblemática da infraestrutura de energia peruana. Com altura superior a 200 metros, é uma das maiores barragens de rochedos com face de concreto do mundo. Sua capacidade de geração correspondente a cerca de 10% da capacidade hídrica total instalada e 4% da produção total de energia do país.  O projeto recebeu recentemente a premiação “International Milestone Rockfill Dam Project”, a mais importante do mundo na área de construção de represas. Chaglla foi reconhecida ainda na “Better Hydro: Compendium of Case Studies 2017”, uma publicação da Associação Internacional de Energia Hidrelétrica, em colaboração com o Banco Mundial, por sua avaliação dos riscos socioambientais durante a construção e por seu compromisso com as comunidades locais impactadas pelo projeto.

Sobre a Odebrecht Latinvest

Como parte do Grupo Odebrecht, a Odebrecht Latinvest dedica-se à gestão de concessões de infraestrutura em todos os países da América Latina, com exceção do Brasil. Criada em 2012, concebe projetos, levanta fundos, realiza investimentos e opera ativos de infraestrutura nos segmentos de transporte, energia, irrigação e dutos, com foco na excelência operacional e visando gerar valor para os seus clientes e acionistas. A Odebrecht Latinvest participa como investidora no capital e opera concessões desenvolvidas ou adquiridas pelo Grupo Odebrecht, beneficiando milhões de usuários.

Sobre o Grupo Odebrecht

Fundada em 1944, a Odebrecht é um grupo global de origem brasileira, presente em 25 países. Seus nove Negócios têm atuação nos setores petroquímico, de engenharia e construção, infraestrutura, agroindustrial, óleo e gás, transporte, imobiliário e indústria naval. Cada Negócio tem autossuficiência financeira e operacional e também governança própria, reforçada por sistema de Conformidade já implantado e pelo compromisso de todos os seus Integrantes com atuação ética, íntegra e transparente. O Grupo Odebrecht tem cerca de 80 mil profissionais de diversas nacionalidades e exporta produtos e serviços para aproximadamente 100 países.