Sustentabilidade

Valorização da Cultura

Parceria

Com o objetivo de preservar os patrimônios histórico, artístico e cultural dos países onde atua, a Odebrecht tem estabelecido parcerias com editoras, universidades, entidades representativas de classe e órgãos governamentais. Esse trabalho viabiliza importantes trabalhos na área. Desenvolvidas por estudiosos, as obras discorrem sobre assuntos diversos, mas que compartilham do intuito de propor uma reflexão sobre o passado, o presente e o futuro de diferentes segmentos sociais.

Veja mais sobre os títulos frutos dessas parcerias abaixo:

Carlos Bastos – Desenhos

Integrando a série Desenhos, da Fundação Casa de Jorge Amado, Carlos Bastos – Desenhos apresenta a obra do pintor Carlos Bastos, um dos mais importantes muralistas brasileiros. A obra traz, também, textos de várias personalidades ligadas às artes, como Clarival do Prado Valladares Henrique Pongetti e Di Cavalcanti. Editado em 2001 e organizado por Claudius Portugal, o livro reúne informações sobre a trajetória do artista e a cronologia de sua vida e obra.

Carlos Reverbel: Textos Escolhidos

Carlos Reverbel: Textos Escolhidos, de Elmar Bones e Cláudia Laitano, é uma reprodução de reportagens e outros textos de Carlos Reverbel. O jornalista gaúcho sempre incentivou a cultura do estado. A publicação, lançada em 2006, foi patrocinada pela Copesul, empresa integrada à Braskem.

Carta a uma Leitora sobre Romance e Personagens

Carta a uma Leitora sobre Romance e Personagens revela a gênese de algumas das mais fascinantes criações de Jorge Amado e desvenda seu processo de construção de personagens. A leitura é enriquecida por ilustrações de importantes artistas baianos, como Carybé, Calasans Neto, Mário Cravo, Jenner Augusto e Floriano Teixeira. A obra foi publicada pela Fundação Casa de Jorge Amado, em 2003.

Cavalo Crioulo

O livro Cavalo Crioulo, de Ana Lúcia Teixeira, foi lançado, em 2007, pela Copesul, empresa hoje integrada à Braskem. A obra aborda a origem e as particularidades da raça de cavalo crioulo, um importante símbolo do Rio Grande do Sul, morfologia, esportes e fotos da raça.

Cavalo de Santo

Cavalo de Santo, de Luiz Afonso Costa, reúne oito contos que recriam o ritmo alucinado da década de 1970 e giram em torno de temas como misticismo, drogas e sexo. Publicado pela editora Relume Dumará, a obra recebeu a chancela da Academia de Letras da Bahia. Em 1996, ano de seu lançamento, foi saudada pela crítica local como a melhor surpresa da literatura baiana.

Páginas